Loading... a New Life

 

Quando não está nas nossas mãos a decisão do futuro, nada mais podemos fazer a não ser esperar, aguardar, ou seja, penar, penar bastante. É ver crescer-me a ansiedade a acada dia que passa como se estivesse morta de fome e me crescê-se àgua na boca. Dou comigo a tentar afastar esses pensamentos, a ocupar o meu dia ao máximo e abstrair-me mas torna-se quase impossível. É o meu futuro. É essencialmente a minha vida profissional e também a pessoal que está em jogo.


 Para quê depender tanto de uma decisão? Já tratei de tudo o que podia tratar, já metia a papelada, já tomei a iniciativa e segui tudo a risca. Agora é esperar e fazer figas com muita força para que tudo dê certo. Tem de dar certo. Isto do certo tem que se lhe diga, ou melhor tem o que digo que desejaria.




Ficará tudo em aberto, faltam 8 dias. Tenha o desfecho que tiver, será para mim o início de uma nova vida. Sim, porque eu mudei imenso nestes últimos meses. Não sou a mesma e, trago comigo uma força arrasadora para chegar, ver e vencer. Preparem-se! ;)

"Work like you don't need money,
Love like you've never been hurt,
And dance like no one's watching."



[Eu sei que posso ser uma chata por estar sempre a pedir
que mexas aí os cordelinhos para tudo correr da melhor
forma mas, anda lá, eu aqui faço o que posso mas 
um pouco de magia da tua parte também
me ajudava e muito ;) ] 

2 Responses
  1. Carla Sousa Says:

    Pensa pelo lado positivo, se já não está em tuas mãos um dia mais tarde nunca poderás dizer: E SE tivesse optado por outro caminho...,

    Mas compreendo o pior de tudo é o momento da espera, minutos que parecem horas, dias que parecem meses, enfim.

    De qualquer forma, boa sorte para o que aí virá.

    Gostei do teu blogue :-)


  2. Rosie Dunne Says:

    agora já não está nas tuas mãos...
    boa sorte, querida :)